Voltar ao topo

Games Classic Show 2.0 traz Zelda e muito mais em orquestra

A próxima apresentação do evento será em 12 de outubro

Games Classic Show é uma apresentação que reúne orquestra completa, uma banda de rock e um grupo de cantores, compondo um espetáculo inteiramente com músicas de jogos. A iniciativa é do Grupo Multiplayers e a realização da Eruditu/Batuta Produções Artísticas. O show já teve edições em anos anteriores. Para ter uma ideia melhor, veja este medley de Zelda que foi tocado numa apresentação do ano passado:

[EDITADO: o vídeo saiu do ar, mas há vários outros de anos diversos no YouTube]

Gostou? Você pode ter a chance de ver ao vivo, dia 12 de outubro às 18 h, no Teatro Guaíra, em Curitiba-PR. Mesmo que já tenha ido aalguma vez, vale a pena conferir as novidades, pois essa será a versão 2.0, incluindo novas músicas e atrações para o público.

A apresentação ocorre como se fosse um jogo (com direito a uma fase bônus com um tema secreto e um "continue" com uma prévia do que virá nas próximas versões). A orquestra toca em sincronia com vídeos dos jogos passando em um telão, deixando a coisa toda mais empolgante. Além disso, há atores caracterizados como as personagens dos jogos.

Para mais informações, veja os sites gamesclassic.com.br, eruditu.com.br e multiplayers.mus.br
Há também páginas no Facebook: Games Classic Show, Perfil do Carlos Domingues da Eruditu, Grupo Multiplayers
 

Sigam-me os bons! Mais conhecido como Chapo por essas bandas. Normalmente o culpado por toda a parte gráfica e gerenciamento do conteúdo do site, sempre tendo novas ideias e falhando em organizar tempo para executá-las.

Comentários

  • Popular
  • Recente
  • Enquete
YouTube Após o nascimento do mundo de Hyrule, as três deusa...
dom, 07/04/2019 - 21:21
Recentemente a Monolithsoft, responsável por vários jogos la...
qui, 28/03/2019 - 11:53
Hoje, dia 20 de março, foi exibido no Nindies Showcase os jo...
qua, 20/03/2019 - 20:40
YouTube E os sidecast estão de volta! Maiores e agora abord...
dom, 10/03/2019 - 14:30
O que mais te empolgou em Breath of The Wild?